Finupe aposta no mercado angolano

Por a 20 de Abril de 2006

A Finupe acaba de anunciar que a sua estratégia passa pela internacionalização da sua actividade pelo que vai apostar no mercado angolano.

Os responsáveis da empresa de engenharia e de acabamentos de edifícios de escritórios, armazéns, hotelaria e retalho entendem que se justifica dar assistência, na área de acabamentos de edifícios, aos seus clientes portugueses que estão a investir em Angola, bem como a outras empresas nacionais, locais e internacionais que operam no mercado imobiliário angolano. A empresa está, neste momento, a elaborar um conjunto de propostas de fornecimento e instalação de pavimentos e tectos falsos em várias obras a desenvolverem-se em Luanda.

Segundo o presidente da Finupe, Pedro Cunha, durante a recente visita deuma comitiva portuguesa a angola foram feitos contactos importantes com empresas locais e empresas portuguesas já estabelecidas naquele mercado, «nomeadamente as construtoras portuguesas que aí estão a operar. O resultado destas iniciativas foi muito satisfatório e estamos já a preparar propostas de instalação de produtos», salienta Pedro Cunha.

A aposta em Angola surge depois da entrada no mercado espanhol, tendo mesmo escritórios abertos em Barcelona e Madrid. A Finupe vai ter instalações em Luanda.