Venda de 11 mil apartamentos em Nova York pode render 4 mil milhões de euros

Por a 5 de Setembro de 2006

A seguradora MetLife anunciou que está a estudar várias propostas para vender um enorme complexo de 110 prédios, com 11 mil apartamentos, em Nova Iorque.

A imprensa americana estima que o negócio poderá render à MetLife cerca de cinco mil milhões de dólares, o equivalente a quatro mil milhões de euros.

A concretizar-se a venda, este será o maior negócio de sempre no sector imobiliário, dos Estados Unidos.

Os prédios à venda são duas áreas contíguas no East Side de Manhatan – Stuyvesant Town e Peter Cooper Village.

A área ocupada é de 32 hectares e inclui, 110 edifícios, com 11 mil apartamentos e vários pequenos parques e espaços verdes. O local é habitado por 25 mil pessoas.

Para evitar a especulação, grande parte destes apartamentos têm rendas controladas, o que significa que não podem ultrapassar determinados níveis. Nas zonas mais procuradas da cidade, a renda mensal de um T2 está entre os 1.500 e os 3.000 euros.

A MetLife ainda não tem qualquer decisão tomada quanto à venda dos prédios, no entanto, segundo o New York Times, entre os interessados encontram-se o banco UBS, o fundo de investimentos Blackstone e um consórcio de investidores do Dubai.

A decisão final da seguradora, está prevista para Novembro deste ano.