Arquitectura – Melhor Projecto Privado

Por a 17 de Julho de 2009

Cork House, em Esposende – Arquitectos Anónimos

projecto-privado.jpg
Eficiente e a custo muito reduzido. Estas foram apenas duas das linhas orientadoras do trabalho do colectivo Arquitectos Anónimos que, querendo fugir ao espectro da crise, conseguiram desenvolver uma obra em que recorreram a materiais de baixo custo, como a chapa perfurada e a cortiça, e com nobres resultados. No total, são 288 metros quadrados e três pisos, o edifício é revestido no exterior a placas de aglomerado de cortiça. por ser um material denso que enfatiza a compactação da casa e as ideias de abrigo, caverna ou casa-forte que a habitação procura ter.