Compressor 7/41+ é aposta da Centrocar

Por a 11 de Abril de 2011

A Ingersoll Rand, representada em Portugal pela Centrocar, está a promover a sua mais recente aposta no domínio dos compressores, a versão 7/41+ da Doosan Portable Power, uma opção semelhante ao modelo 7/41 mas com a particularidade de a canópia ser feita em polímero, o que garante maior resistência e durabilidade do revestimento em ambientes de trabalho agressivos.

Segundo revelou a empresa, esta variação vai alargar o leque de possibilidades de uso deste compressor em locais com queda frequente de objectos, tráfego elevado de outros equipamentos, presença de materiais corrosivos e mesmo em condições ambientais adversas. “Com a canópia de polímero, o compressor aumenta o seu valor de revenda dado que a estrutura exterior se mantém inalterada por muito mais tempo.

Tal como nos restantes compressores da gama Doosan Portable Power, também o 7/41+ pode ser personalizado em termos de cores, de acordo com as exigências dos clientes”, adiantou a empresa em comunicado. De acordo com a mesma fonte, as principais vantagens da utilização deste tipo de compressor, seja na versão 7/41 ou 7/41+ é “a utilização intuitiva, bastando dar à chave para iniciar o funcionamento do mesmo.

É por isso a escolha natural de muitas empresas de aluguer de equipamentos pelo simples facto de que existem muito poucos riscos de avaria por manuseamento incorrecto por parte de operadores com pouca experiência neste tipo de equipamentos. A simplicidade do painel e os indicadores de aviso são um precioso auxiliar”. A Doosan Portable Power – Ingersoll Rand encontra-se neste momento a preparar novas versões com canópia em polímero para os modelos 7/26E e 7/31E, todas elas a disponibilizar pela Centrocar, distribuidor exclusivo desta gama de produtos para Portugal.

Características técnicas

O compressor 7/41 pode enquadrar-se na gama ligeira dos compressores Doosan Portable Power, composta por 6 modelos, 7/20; 7/26E; 7/31E; 7/41; 7/41+ e 7/51, todos com pressões operativas de 7 bar e saída de caudal de ar livre entre os 1,9 m3 por minuto até aos 5,0 m3 por minuto. No caso concreto deste modelo, o 7/41+ tem um caudal de ar livre de 4,0 m3 por minuto, a uma pressão operativa de 7 bar. Está equipado com um motor Yanmar 4IRH8N2, com 4 cilindros, 2.800 rpm e 34,8 kW. Os níveis de ruído estão totalmente de acordo com as normais europeias que regulamentam o ruído exterior.

À semelhança dos restantes compressores desta gama, este modelo é essencialmente utilizado para abastecer ferramentas de uso manual, nomeadamente martelos (no caso específico do 7/41, tem capacidade para alimentar duas ferramentas em simultâneo). Entre as aplicações, encontram-se a manutenção de estradas e passeios e os estaleiros de construção em que seja necessário realizar cortes e pequenas demolições nas paredes.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *