Tavira, Loulé e Albufeira responsáveis por 43% da promoção de fogos no Algarve

Por a 21 de Abril de 2014

As estatísticas Confidencial Imobiliário (Ci)/ADENE concluíram que, em 2013, as Declarações de Conformidade Regulamentar (DCR) emitidas por esta última entidade cifraram-se nos 734 fogos novos no Algarve, dos quais 43% são referentes aos concelhos de Tavira, Loulé e Albufeira.

Segundo o comunicado de imprensa da Ci, este número total de fogos “diz respeito a 339 projectos de construção nova em carteira, dos quais 307 são relativos a projectos de moradias unifamiliares”, enquanto que os restantes 32 são edifícios de apartamentos, que englobam 406 fogos.

A mesma fonte explica que, ao longo do ano passado, o potencial de investimento em construção nova decresceu no Algarve, “iniciando o ano com 259 fogos pré-certificados (primeiro trimestre), contra 159 fogos certificados no último trimestre do ano”.

Segundo a Ci e a ADENE, isto deve-se, essencialmente, à redução do número de projectos de edifícios de apartamentos de média dimensão, “pussindo entre 10 a 20 fogos, para os quais foram emitidos pré-certificados”.

O comunicado destaca que, no quarto trimestre do ano transaco, “não foram alvo de certificação quaisquer projectos deste tipo, ao contrário do verificado nos trimestres anteriores”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *