Degradação da economia leva Caterpillar a despedir 10 mil até 2018

Por a 24 de Setembro de 2015

Caterpillar1 A Caterpillar anunciou esta quinta-feira que vai avançar para um plano de reestruturação a nível Mundial que vai implicar a eliminação de cinco mil postos de trabalho já no próximo ano e mais cinco mil até 2018, respondendo assim às “actuais e expectáveis condições de mercado”.

A companhia, especialista em equipamentos pesados para a área da construção, prevê fechar o ano de 2015 com vendas na ordem dos 48 biliões de dólares, um bilião menos do que o inicialmente estimado, sendo que para 2016 as perspectivas apontam para uma quebra de 5% face ao que se prevê que seja o final de 2015. A empresa ainda não deu detalhes sobre as regiões e os postos afectados, mas as indemnizações por despedimento e outros custos decorrentes desta reestruturação elevam-se a dois mil milhões de dólares. “Enfrentamos condições de mercado difíceis em regiões e sectores industriais importantes, como a mineração e a energia”, explicou o presidente da empresa, Doug Oberhelman, em comunicado.

O CONSTRUIR procurou uma reacção junto da Barloworld Stet, representante da marca em Portugal, mas não obteve resposta até à publicação deste artigo.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *