Motor MAN D3876 eleito ‘Diesel of the Year 2016’

Por a 13 de Abril de 2016

P_Engines_DoftY_01_thumbO motor MAN D3876 para camiões, equipamento de construção e engenharia agrícola foi eleito ‘Diesel of the Year 2016’ na bauma 2016, com o painel de jurados a destacar o seu conceito inovador como base para a decisão. Este prémio tem vindo a se entregue pela revista italiana DIESEL ao longo dos últimos 11 anos.
O painel, composto por jornalistas de diversas publicações ligadas à indústria, sublinhou o conceito base e os materiais de elevada resistência do D3876, que partilha os seis cilindros em linha com os já testados motores MAN D20/D26. “Isto torna o D3876 um motor recentemente desenvolvido, que ao mesmo tempo possui a experiência recolhido ao longo de milhões de quilómetros”, afirmou o júri e editor da DIESEL e da DIESEL International, Fabio Butturi. Partindo deste conceito, os engenheiros da MAN alcançaram inúmeras inovações técnicas com o desenvolvimento do D3876. Top-down cooling (sistema de arrefecimento da cabeça do motor para baixo), válvulas de cúpula, pistões de aço forjado, anéis de fogo na câmara de compressão e sistema de injecção common rail de até 2500 bar, contribuem para que o D3876 seja um motor incrivelmente fiável, eficiente e também refinado.
Na IAA 2014, a MAN Truck & Bus apresentou o motor a diesel de 15,2 litros, com seis cilindros em linha, D3876: um poderoso, altamente eficiente e extremamente fiável motor a diesel para camiões para transportes exigentes. Na altura, o D3876 era o novo modelo topo na gama de motores Euro 6 da MAN, graças ao seu poderoso binário de 2500 a 3000 Nm e potência nominal entre os 382 e os 412 kW (520 e 560 CV), para veículos de transporte de longo curso e reboque, e 471 kW (640 CV) para veículos de transporte de mercadorias.
A isto seguiu-se a apresentação de novos desenvolvimentos ao D3876 como motor para engenharia agrícola e equipamento de construção, na Agritechnica 2015 e na bauma 2016. O D3876 apresenta uma gama de potência de 415, 450 e 485 kW (565, 612 e 660 CV) para ceifeiras, escavadoras e muitas outras aplicações. O sistema de recirculação de gases de escape de última geração e a tecnologia de redução catalítica selectiva (SCR) asseguram que o motor cumpre as normas de emissões Tier 4 final e CARB US, bem como a EU Stage V.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *