Eaton lança gama de ePDUs para melhorar flexibilidade em instalações de TI de pequena dimensão

Por a 14 de Fevereiro de 2017

EPE006988 - 1U and 2U ePDUsA Eaton anunciou o lançamento de uma nova gama de unidades de distribuição de energia em “rack” com 1U e 2U (ePDU), que visam melhorar a flexibilidade em instalações de TI de pequena dimensão.

Em comunicado de imprensa, o grupo explica que esta gama foi especificamente desenvolvida para “ajudar os gestores de TI a optimizar a distribuição de energia inteligente em infra-estruturas convergentes e hiperconvergentes e aplicações de TI de menor dimensão”.

Disponível aos clientes da região EMEA (Europa, Médio Oriente e África), a nova gama permite aos utilizadores de racks TI de pequena dimensão “desfrutar de muitos benefícios anteriormente associados aos EPDUs 0U verticais da empresa de gestão de energia, incluindo melhor eficiência, custos reduzidos e continuidade do negócio melhorada”.

Para Matthieu Jaeger, “a gestão eficaz da energia é essencial nos exigentes ambientes TI actuais”, contudo, até ao momento, “tem sido problemático o fornecimento da distribuição flexível da energia em “racks” de menor dimensão”. Neste sentido, o gestor de produto EMEA da Eaton para ePDUs explica que as novas soluções agora lançadas oferecem “uma solução cómoda e abrangente para estas aplicações”.

“Incorporam as mesmas funções inovadoras que tornaram os nossos mais recentes ePDUs 0U tão populares, incluindo a partilha de retenção da ficha para fichas IEC standard, que evitam o desligar acidental das mesmas”, salienta Jaeger, revelando estar confiante de que estes novos ePDUs eliminarão “muitos dos problemas de integração do “rack” para os profissionais TI”.

Estes novos ePDUs proporcionam soluções de distribuição de energia para aplicações nas quais os “racks” “não são suficientemente altos para permitir a utilização dos ePDUs 0U” e estão idealmente adaptados para utilização em armários de montagem na parede, onde não é possível o acesso por trás.

De acordo com a nota de imprensa da Eaton, todos os novos ePDUs dispõem de uma patilha de retenção da ficha e são adequados para funcionarem até 60ºC, “permitindo que sejam utilizados em ambientes TI com temperaturas elevadas”.

Segundo a empresa, de forma a ajudar a minimizar os custos com networking, podem ser encadeados oito ePDUs a partir de uma única porta e endereço IP. Estas soluções incluem também a função “hot-swap” para os módulos de controlo, “o que significa que os módulos podem ser trocados ou actualizados sem interromper o fornecimento de energia às cargas”.

A Eaton ressalva que os modelos Basic e Metered estão disponíveis agora, com os modelos Switched, Metered Outlet e Managed a serem introduzidos na gama durante este ano.

As versões Metered oferecem uma precisão do grau de facturação de cerca de 1%, facilitando a análise da utilização de energia. A nova gama suporta a configuração e actualização em massa, “reduzindo o tempo de gestão e melhorando a eficiência global”.

De acordo com a empresa, “emparelhados com o software Intelligent Power Manager (IPM), pronto para a visualização da Eaton, os novos ePDUs podem activar alertas ambientais, como temperatura ou humidade excessivas, e inicar políticas de recuperação de desastres, incluindo a migração automática de servidores virtuais para um local de reserva ou o desligar suave do sistema para proteger as cargas de missão crítica”.

Paralelamente, poderão ser fornecidas versões personalizadas dos ePDUs para cumprir os requisitos específicos do utilizador.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *