Investigador da FEUP recebe prémio internacional de reconhecimento científico

Por a 25 de Julho de 2017

engenheirosÁlvaro Cunha, professor catedrático do Departamento de Engenharia Civil (DEC) da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) foi distinguido pelo Comité Permanente da International Operational Modal Analysis Conference (IOMAC) com um prémio de reconhecimento científico, atribuído “pelo seu excelente contributo ao longo das diferentes edições do evento”.

Em comunicado, a FEUP destaca que além de Álvaro Cunha, que é também director e investigador do Laboratório de Vibrações e Monitorização de Estruturas (VIBEST), foram premiados investigadores de universidades na Suíça, Itália, Reino Unido e Dinamarca.

No âmbito da distinção, Álvaro Cunha realçou a importância do reconhecimento, “não tanto por uma questão de mérito individual, mas antes de prestígio para a FEUP e suas unidades de investigação”. “Trata-se de um prémio que reconhece, sobretudo, a qualidade do trabalho desenvolvido de forma persistente e continuada pelos investigadores do VIBEST no domínio da Análise Modal Operacional, iniciado pela colega Elsa Cateano e por mim há cerca de 20 anos, e entretanto prosseguido também com o contributo dos colegas Filipe Magalhães e Carlos Moutinho e que vem contribuir para o reforço da visibilidade internacional do VIBEST/CONSTRUCT [a unidade de I&D] e da FEUP/Universidade do Porto”.

Um comentário

  1. Sousa Alves

    4 de Setembro de 2017 at 16:41

    Parabéns ao insígne Investigador de Engenharia Civil e que na área das Estruturas coloca o seu saber ao alcance da Construção no seu pleno; aliás um segmento da vida nacional e cuja parte de leão cabe naturalmente aos Engenheiros.
    Um novo paradigma,pois, para a SEGURANÇA da construção em Portugal, sobretudo nas ditas ÁREAS DE REABILITAÇÃO URBANA (ARUs), onde as ESTRUTURAS nunca serão um “fait divers” para profissionais desrespeitosos da quota parte devida aos Engenheiros, os quais sempre entenderam o lugar que ocupam sem usurpações baratas no domínio da Construção.
    Estando em curso a conclusão de um processo legislativo e da estrita competência dos Senhores Deputados da Nação, esperando-se que o BOM SENSO impere RAPIDAMENTE em prole da boa harmonia que deve existir entre profissionais que se devem complementar; como já o iam fazendo e quanto mais não seja por imperativo da nossa condição de país europeu…
    A FEUP, pois a dar o seu melhor contributo para a qualidade no processo construtivo e cuja concepção integral AINDA está na posse de diplomados em Engenharia e Arquitectura…

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *