Dst solar firma parceria com suiça Leclanché

Por a 25 de Setembro de 2017

 

A dst solar,  empresa do grupo dst que opera no sector do solar fotovoltaico, estabeleceu uma parceria com a centenária suíça Leclanché, uma das empresas líderes mundiais no fornecimento de soluções de armazenamento de energia para casas, escritórios, indústria e redes de electricidade. Com este acordo, a dst solar passa a deter a exclusividade na distribuição e instalação de equipamento da Leclanché no mercado português, o que, sublinha a empresa, “lhe permitirá reforçar a sua posição no mercado industrial e apresentar opções inovadoras para o mercado residencial, com soluções de sistemas de produção de energia com armazenamento, proporcionando a independência energética aos seus clientes”.

Em nota de imprensa enviada ao CONSTRUIR, a dst solar, refere ainda que prevê atingir uma facturação de um volume de negócios superior a sete milhões de euros em 2017. A previsão, explica a empresa em nota de imprensa, “assenta no crescimento significativo que tem vindo a registar aos longos dos últimos meses, em resultado do desenvolvimento de dezenas de projectos no âmbito do novo enquadramento legal que regula o sector do autoconsumo e que corresponde já a mais de 8 MW instalados”.

 

Segundo José Teixeira, presidente do Conselho de Administração do grupo dst, “a recente parceria firmada com esta prestigiada empresa, fornecedora de soluções de armazenamento de energia de confiança ao longo dos últimos cem anos, é para nós um passo decisivo na consolidação da nossa posição no mercado nacional, uma vez que reforçamos a nossa capacidade de apresentar soluções integradas aos nossos clientes. Por outro lado, o crescimento sustentado do portfólio registado ao longo deste ano consolida a posição da dst solar no mercado nacional, reiterando a aposta que tem vindo a ser feita pelo grupo há vários anos, na economia do ambiente, assente no desenvolvimento sustentável e num futuro mais ecológico.”

Importa ainda referir que, no âmbito da potência fotovoltaica certificada pela DGEG no primeiro semestre deste ano, correspondeu à dst solar uma quota de mercado de, aproximadamente, 30%.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *