SAMI na FAUP a 25 de Outubro

Por a 20 de Outubro de 2017

Inês Vieira da Silva e Miguel Vieira (Atelier SAMI Arquitectos), são os oradores da terceira conferência do ciclo “Território(s) da Arquitectura Portuguesa – imaterialidade e circunstância(s)”, que acontece no  Auditório Fernando Távora – FAUP, no próximo dia 25 de Outubro. A dupla de arquitectos sucede Manuel Aires Mateus (11 de Outubro) e  Paulo David (18 de Outubro) e antecede João Luís Carrilho da Graça (8 de Novembro).

Sobre o escritório de arquitectura sedeado em Setúbal, a FAUP recorda que foi formado em 2005 “e desde então têm visto o seu trabalho ser reconhecido com diversos prémios e distinções tais como o Prémio AICA de Artes Visuais e Arquitectura 2015, 2017 (Lisboa), atribuído pela Associação Internacional de Críticos de Arte; o Prémio X BIAU-Bienal Ibero-Americana de Arquitectura y Urbanismo, 2016 (Madrid/São Paulo) e Prémio IX BIAU, 2014 (Madrid/Rosario); Prémio Europeu para Intervenção no Património Arquitectónico, 2015 (Barcelona); Prémio Nacional Tektónica/OA, 2009 (Lisboa)”, entre outras distinções.

A FAUP sublinha ainda que o gabinete foi, em 2017, convidado a participar na 2ª Bienal de Arquitectura de Chicago (Estados Unidos da América), em 2014  convidado a participar na 14ª Mostra Internacional de Arquitectura, La Biennale di Venezia (Itália) e em 2011 fizeram parte da Representação Oficial Portuguesa na 9ª Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo (Brasil).

 

O ciclo de conferências “Território(s) da Arquitectura Portuguesa – imaterialidade e circunstância(s)” é uma iniciativa conjunta dos grupos de investigação – Arquitectura: Teoria, Projecto, História + Morfologias e Dinâmicas do Território – linha de investigação Diálogos entre a Prática e a Didática em Arquitectura: Produção, Ensino e Investigação, DiPDArqo (CEAU-FAUP). São coordenadores José Cabral Dias e Luís Viegas + Rui Américo Cardoso.

 

 

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *