Grada Kilomba inaugura Project Room do MAAT

Por a 27 de Outubro de 2017

© Esra Rotthoff, courtesy of Maxim Gorki Theatre

A exposição “Secrets to Tell”, da artista Grada Kilomba, é o primeiro projecto individual a inaugurar o espaço do Project Room do MAAT – Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia. Com curadoria de Inês Grosso e pensada a partir da videoinstalação intitulada “The Desire Project” — uma obra especialmente concebida para a 32ª Bienal de São Paulo (2016), sendo também uma das mais recentes aquisições da Coleção de Arte da Fundação EDP — a exposição poderá ser visitada até 5 de Fevereiro de 2018.

Segundo o MAAT, “Kilomba é escritora, teórica e uma artista interdisciplinar com um percurso activo na cena artística berlinense, cidade onde vive e trabalha. Tendo nascido em Lisboa, e com raízes em São Tomé e Príncipe e Angola, a sua obra aborda questões relacionadas com as temáticas de género, raça, trauma e memória, seja no âmbito das problemáticas actuais sobre o colonialismo e pós-colonialismo no início do século XXI, seja para investigar as relações ambíguas entre memória e esquecimento, o imaginário colectivo e a identidade das culturas africanas, da diáspora e dos povos indígenas”.

“Evocando a tradição oral das culturas africanas e o seu poder de perpetuação da palavra, a sua obra dá voz a narrativas silenciadas com o intuito de reescrever e recontar uma história que foi negada ou omitida.  Mais conhecida pelo seu trabalho como escritora – ou pela sua escrita subversiva – a artista tem vindo a explorar práticas artísticas experimentais e interdisciplinares pouco convencionais, utilizando e combinando diferentes meios de expressão; desde a performance e a videoinstalação, até leituras de palco e palestras que criam uma interface entre texto e imagem, linguagem artística e linguagem académica”.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *