Dst conclui Pedreira de Gouvães

Por a 6 de Novembro de 2017

A construtora dst concluiu a construção da Pedreira de Gouvães, em Vila Pouca de Aguiar, uma obra para a Iberdrola Generación SAU que representou um volume de negócios no valor de mais de 13 milhões de euros. Segundo a empresa, a empreitada contou ainda com a participação de outras insígnias do grupo dst, entre as quais a dte – instalações especiais -, a tagregados e a bysteel.

Em nota de imprensa enviada ao CONSTRUIR, a dst explica que, para além do projecto de concepção e construção de pedreira, a empreitada implicou o movimento de terras para plataformas e acessos, a beneficiação da EM557, desde a N206 até à entrada da pedreira, incluindo a construção de ponte sobre o rio Torno, a construção de redes de águas pluviais e residuais, de redes de abastecimento e de tratamento de águas, assim como redes de energia e iluminação.

Para além disso, refere a mesma fonte que, a montagem de equipamentos de produção/ armazenamento de agregados e respectivos maciços em betão armado, assim como a construção de edifícios administrativos e de apoio estiveram também a cargo do grupo dst, que procederá, após o período de exploração, ao desmantelamento da pedreira e respectiva recuperação paisagística.

Para José Teixeira, presidente do conselho de Administração do grupo dst, “o bom desempenho nesta obra, permitirá reforçar a imagem do nosso grupo junto de um cliente importante (Iberdrola), que se encontra a executar o maior projecto hidroeléctrico em curso no país”.

Recorde-se que, a Pedreira de Gouvães destina-se à produção de agregados para utilização exclusiva nas obras de construção dos aproveitamentos hidroelétricos, da Iberdrola Generación SAU.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *