KAAN Architecten projecta fachadas de novos edifícios da iCampus em Munique

Por a 18 de Dezembro de 2017

©Casper Rila

O gabinete holandês KAAN Architecten, foi o vencedor do concurso promovido pela R&S Realty II, para projectar as fachadas de três novos edifícios da iCampus ( www.icampus-muenchen.de), no distrito de Werksviertel, em Munique. As obras começarão em 2020.

Localizado numa antiga área industrial e comercial, atrás da estação de comboio de Ostbahnhof, o novo empreendimento pretende “combinar os prédios industriais e comerciais existentes com uma camada contemporânea, dedicada à indústria criativa”, explica o gabinete. Segundo a mesma fonte, os edifícios Alpha, Beta, e Gamma, cujas plantas e estruturas foram projectadas pela RKW Architektur +, “não seguirão simplesmente o padrão estrito comercial do país para definir a sua arquitectura, mas expressarão também transparência e compreenderão espaços abertos que claramente representam a indústria criativa do século XXI”. Por sua vez, o projecto da fachada da KAAN Architecten “enfatizará a identidade dos edifícios, para consolidar e harmonizar com a estética de Werksviertel, sem deixar de ser icónica por si só”.

Composta por uma fachada profunda e elementos utilitários, a “estrutura proeminente de betão contará com grandes aberturas” e foi pensada para “se adaptar a diversos tipos de espaços comerciais no futuro”. Contudo, explica o gabinete, “para superar a estética comercial padrão e criar uma sensação de abertura, a divisão de elementos maiores em componentes menores e o número de perfis verticais foram limitados”.

Os arquitectos sublinham ainda o facto de, o telhado, ser tratado como uma quinta fachada, indo além da sua função mecânica e técnica, para se tornar numa parte viva dos edifícios. Nesse sentido, a cobertura do átrio contempla aberturas de vidro diferenciadas, projectadas em forma triangular “para maximizar o uso inteligente do vidro e, assim, impedir o superaquecimento”.

Sobre os átrios dos edifícios Alpha, Beta e Gamma, o gabinete  explica ainda que, “se estendem em direcção à entrada para criar uma relação espacial entre o interior e o espaço público exterior, oferecendo uma iluminação natural adequada para os escritórios”.

A partir de 2020, o edifício Alpha será o primeiro a implementar o projecto de fachada da KAAN Architecten, seguido dos edifícios Beta e Gamma. A conclusão está prevista para o final de 2022.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *