IFRRU 2020: Pedidos de financiamento já totalizam 750 M€

Por a 12 de Fevereiro de 2018

A pouco mais de mês e meio após a abertura das candidaturas ao Instrumento Financeiro de Reabilitação e Revitalização Urbana (IFRRU) 2020, o total de pedidos de financiamentos já ronda os 750 milhões de euros.

De acordo com o Instituto de Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU) o montante já solicitado nos pedidos de empréstimos junto dos bancos seleccionados dizem respeito a cerca de 200 projectos de reabilitação de edifícios nos centros urbanos de todas as regiões do País.

Destes, 15 pedidos de financiamento foram já formalizados, no valor de 65 milhões de euros, dos quais dois contratos já se encontram em execução.

O primeiro projecto de reabilitação urbana a ser financiado fica na freguesia de Santa Maria Maior, no Funchal, no valor de 645 mil euros.

O primeiro projeto de reabilitação urbana a ser financiado fica em Santa Maria Maior, no Funchal, e vai custar 645 mil euros.

O IFRRU 2020 disponibiliza um total de 1,4 mil milhões de euros para intervenções que se destinem à reabilitação integral de edifícios com idade igual ou superior a 30 anos, de espaços e unidades industriais abandonadas ou ainda a intervenções em frações privadas inseridas em edifícios de habitação social, que sejam alvo de reabilitação integral.

O instrumento financeiro permite empréstimos em condições mais vantajosas do que as que são oferecidas no mercado (em termos de taxas de juro, maturidades e períodos de carência) e, do montante total, 700 milhões provêm de fundos públicos (nacionais e comunitários) e os restantes 700 milhões são disponibilizados por três bancos (Santander Totta, BPI, Millennium BCP).

Os montantes de financiamento podem ir até 20 milhões de euros, com prazos alargados — maturidade a 20 anos para arrendamento e de sete anos para venda — e carência até quatro anos.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *