OPENBOOK Architecture desenha para a nova sede da KPMG

Por a 11 de Junho de 2018

Rodrigo Sampayo e Paulo Jervell

A OPENBOOK Architecture acaba de anunciar o seu mais recente projecto arquitectónico: o desenvolvimento da arquitectura de interiores da nova sede da KPMG, consultora reconhecida na prestação de serviços na área de auditoria, fiscalidade e consultadoria.

Segundo nota de imprensa enviada ao CONSTRUIR pelo gabinete de arquitectura, a OPENBOOK Architecture tem a seu cargo “o desenvolvimento do projecto de arquitectura de interiores envolvendo a coordenação global desse projecto, bem como toda a área de design e mobiliário desta nova sede da consultora, que ficará situada na zona nobre da cidade de Lisboa, localizada na Avenida Fontes Pereira de Melo, numa área total de 9.744 m2”. De acordo com a mesma fonte, a data para a conclusão da obra está prevista para Dezembro deste ano.
A OPENBOOK Architecture revela ainda o conceito aplicado na nova sede da KPMG, que, explica: “Tem por objectivo transpor para o local de trabalho, os valores, imagem e marca da KPMG. Um espaço de inspiração clássica, e contemplando em simultâneo, áreas dinâmicas, flexíveis e ágeis, e acima de tudo, inspiradoras para a actividade diária dos colaboradores, clientes e parceiros desta consultora”.
De acordo com o gabinete, para o desenho de uma proposta vencedora, foram fundamentais factores como qualidade e know-how de workplace strategy, que são resultado da aquisição de competências e de trabalho interno do gabinete. “Quem entrar nos futuros escritórios da KPMG, irá respirar o seu ADN”, garante a OPENBOOK Architecture.
Para o gabinete, este projecto espelha uma estética intemporal e confere especial relevo às soluções de flexibilidade espacial, envolvendo os colaboradores e potenciando a mudança. Na opinião de Paulo Jervell, um dos Partners da OPENBOOK Architecture, “a KPMG é um dos projectos mais importantes que estamos actualmente a desenvolver, com a particularidade de ser especialmente gratificante e desafiador trabalhar para uma multinacional com a dimensão e notoriedade da KPMG, que valoriza tanto o nosso conceito, visão estratégica e arquitectura do espaço de trabalho”.
De salientar ainda que, o conceito de Office Brandchitecture preconizado pela OPENBOOK Architecture, que acompanha a identidade da marca/empresa incorporando-a na íntegra na visão do espaço a ser intervencionado, levou a que o atelier se distinga “pelo seu já vasto portfolio corporativo enriquecido com o desenvolvimento e entrega de importantes projectos de referência nacional e internacional, de que são exemplos mais emblemáticos e já premiados, a criação do Deloitte HUB, os novos escritórios da Everis e da VdA – Vieira de Almeida ou Abreu Advogados, e ainda o representativo edifício para a NOKIA Conhecimento”.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *