Imovalor coloca terreno no Campo Pequeno à venda

Por a 12 de Junho de 2018


No seguimento da sua politica de alienação de património, o Fundo Imovalor encontra-se à procura de comprador para o nº 34 do Campo Pequeno, cuja comercialização está a cargo, em exclusivo, pela consultora Cushman & Wakefield.

Situado numa das melhores localizações residenciais do centro de Lisboa, a poucos minutos do aeroporto e do Marquês de Pombal, assim como de toda a rede de transportes existente, o terreno do Campo Pequeno 34 conta com um loteamento recentemente aprovado para a construção de cerca de 38 750 m2 acima do solo, dos quais 27 000 m2 deverão ser destinados para habitação.

Com potencial para se tornar num dos mais emblemáticos projectos da cidade, Ana Gomes, associate e directora do departamento de Promoção e Reabilitação da Cushman & Wakefield em Portugal, considera tratar-se de “uma rara oportunidade para a promoção de um projecto misto de grande escala numa das zonas mais nobres e centrais da capital”.

Embora seja indiscutível que a reabilitação urbana é hoje um tema incontornável em Portugal e um dos sectores que mais contribui para o crescimento do mercado imobiliário, tanto em Lisboa como no Porto, “a requalificação urbana através da nova construção será potencialmente um dos maiores desafios para os próximos anos”, considera aquela responsável.

Neste novo ciclo de desenvolvimento das cidades há, visivelmente, uma cada vez maior procura de oportunidades que potenciem a liberdade para criar edifícios e quarteirões novos e distintos, tanto em desenho como em concepção.

“Olhando especificamente para a cidade de Lisboa, esta é uma oportunidade ímpar de promoção que permite a execução imediata de um projecto novo e de dimensão numa zona cada vez mais estratégica pela sua centralidade, aproveitando o bom estado da economia e as condições muito dinâmicas do mercado”, afirmou ainda Ana Gomes.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *