Habitação e ordenamento do espaço público em debate no Archi Summit 2018

Por a 14 de Junho de 2018

Archi Summit 2017

A 4ª edição do Archi Summit, que decorre na LX Factory, em Lisboa, nos dias 12 e 13 de Julho, terá como temas centrais o ordenamento do espaço público e os novos desafios da habitação.
O evento que vai receber e reunir arquitectos provenientes da América Latina, Asia e Europa, dedica o primeiro ao espaço público com uma conferência que será o palco para a apresentação de projectos da autoria de arquitectos nacionais e internacionais no período da tarde. Os desafios da habitação estarão em foco no dia 13 com a partilha de perspectivas sobre a realidade actual, e posteriormente com a apresentação de projetos dedicados ao tema.
Quais as soluções para a escassez de espaços para habitação nas grandes cidades? O Turismo vai acabar com a habitação nos centros urbanos? De que forma se pode potenciar a vivência nos espaços públicos? O que nasce primeiro: habitação ou espaço público? São algumas das questões que estarão em cima da mesa nas conferências centrais do Archi Summit 2018 e que conta com Gonçalo Byrne, Carrilho da Graça, Tiago Mota Saraiva e Catarina Almada, entre os oradores.
“O tema central desta edição do Archi Summit, ao destacar os novos desafios da habitação e o ordenamento do espaço público, levanta questões que estão seguramente na cabeça de muitos portugueses, que se prendem com a realidade actual do mercado imobiliário motivado pelo crescimento do Turismo no nosso País, mas também com a conjuntura cada vez mais propícia à realização de obras públicas”, considera Bruno Moreira, responsável pela organização do evento.
“Apesar de, para nós portugueses, se tratarem de temas relativamente recentes, cidades de outros países já passaram pelas mesmas dificuldades e aí destaca-se o contributo de oradores provenientes do Japão, do Chile, de França, de Espanha, e da Bélgica, entre outros, que irão partilhar as suas perspectivas e dar a conhecer alguns dos seus projectos desenvolvidos nestes contextos”, revela.
Jaume Mayol e Irene Pérez Pirrefer, a dupla de arquitetos catalães do ateliê Ted’A distinguida recentemente com os FAD – Fomento de las Artes y del Diseño Architeture Awards, de Barcelona, são dois dos oradores internacionais do Archi Summit, já anunciados pela organização. A dupla representante do ateliê de arquitetura Ted’A irá participar nas conferências da tarde do dia 12 de Junho, onde dará a conhecer alguns dos seus principais projectos, entre eles o Can Picafort e a Escola Orsonnens, que lhes valeram o primeiro prémio nas categorias FAD Interiorismo e FAD Internacional.
Recorde-se que, nesta 4ª edição, o evento irá homenagear no LX Factory a simbiose entre o bruto e o quase devoluto, integrada num espaço repleto de arte urbana, com uma área de exposição de 1.500m2 inspirada num projecto do arquiteto holandês Rem Koolhaas.
Na exposição de materiais para a arquitectura e construção, este ano estarão em destaque algumas indústrias líderes do sector, como a Margres e Love Tiles, a Amorim, a Barbot, a Secil, a Gyptec e a Sonae.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *