Investimento através de Vistos Gold cai 50% em Julho

Por a 23 de Agosto de 2018


O investimento captado através dos vistos gold caiu 50,5% em Julho deste ano, face ao mês anterior e 56% em termos homólogos, para 26,1 milhões de euros, tendo sido apenas concedidas autorizações de residência por via da compra de imóveis, noticia o jornal Público.

De acordo com os dados estatísticos do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), em Julho o investimento resultante da Autorização de Residência para a actividade de Investimento (ARI), como também são conhecidos os vistos gold, atingiu 26.116.230 euros, cujo investimento resultou apenas na compra de bens imóveis.

Os mesmos dados indicam que em Julho foram concedidos 47 vistos, dos quais sete para reabilitação urbana. Desde a atribuição do primeiro visto para reabilitação urbana – em Julho de 2016 – foram concedidos 171 vistos gold mediante este requisito. Nos primeiros sete meses do ano, o investimento captado através deste instrumento totalizou 510.145.428,98 euros, o que representa uma queda de 22,2% face ao período homólogo de 2017.

Desde a criação deste instrumento, que visa a captação de investimento, foram atribuídos 6.416 ARI: dois em 2012, 494 em 2013, 1.526 em 2014, 766 em 2015, 1.414 em 2016, 1.351 em 2017 e 863 em 2018.

Em termos acumulados, foram concedidos 6.064 vistos pelo requisito da aquisição de bens imóveis, 341 por transferência de capital, e 11 pela criação de, pelo menos, 10 postos de trabalho.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *