Gabriel Couto amplia instalações da Vieira de Castro

Por a 22 de Janeiro de 2019

A empresa Vieira de Castro,  fabricante português de bolachas, amêndoas e rebuçados, que tem as suas unidades de produção na freguesia de Gavião, concelho de Vila Nova de Famalicão, escolheu novamente o grupo Gabriel Couto para a construção da ampliação do Armazém de Produto Acabado e Cais de Carga, um projecto que tem a assinatura do Atelier “Arqueuro – Gab. de Arquitectura e Engenharia”.

Para Carlos Couto, CEO da Gabriel Couto, “este é mais um desafio aliciante e fundamental no crescimento de uma grande e histórica empresa famalicense, como é o caso da Vieira de Castro, que demonstra uma total confiança na nossa construtora, já que este é o segundo projecto de ampliação que nos é confiado à nossa responsabilidade, nos últimos anos.”

A empreitada consiste na ampliação do Armazém de Produto Acabado e Cais de Carga. O armazém a ampliar vai ter uma estrutura em pórtico (pilares e vigas) em betão pré-fabricado, fachadas em painel arquitectónico em betão pré-fabricado, com a empena de fecho do topo, sobre o armazém existente, em estrutura metálica.

A nova nave industrial terá um comprimento máximo de 84,65 metros e uma largura total de 36,15 metros possuindo uma cércea de 15,90 metros, e totalizando uma área total de 3.004,80 m2.

Faz ainda parte da empreitada a ampliação do pavilhão de expedição do produto acabado, na qual está prevista a construção de 10 novos cais de carga/descarga, com portões seccionados e plataforma móvel e respectivos foles de encosto e guias de pavimento. Este projecto de ampliação materializa-se por extensão do pavilhão existente, com o mesmo princípio e soluções construtivas, totalizando um aumento de área total na zona de expedição do produto acabado em cerca de 1.200,00 m2.

Está ainda prevista a intervenção ao nível da envolvente exterior, com a construção de diversos novos lugares de estacionamento de veículos ligeiros e pesados, assim como a intervenção ao nível dos arruamentos e passeios adjacentes aos novos edifícios.

A coordenação, gestão e fiscalização desta empreitada estará a cargo da empresa “IGM Project Management”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *