Cave Office desenha loja Cascais Jovem na Parede

Por a 11 de Fevereiro de 2019


O atelier Cave Office, coordenado pelo arquitecto João Veríssimo, foi o autor da proposta vencedora para a execução da nova loja da Parede do programa Cascais Jovem, espaços municipais informais e de livre acesso, que pretendem ser pólos para jovens e por jovens – como espaço para a dinamização, criatividade, participação e informação.
O júri, composto pelos arquitectos João Tiago Gonçalves, em representação da Câmara de Cascais, e Mafalda Ambrósio, indicada pela Secção Regional Sul da Ordem dos Arquitecto, a que se juntou Nuno Piteira Lopes, vereador do município cascalense, considerou que, das 30 propostas apreciadas entregues dentro do prazo, a vencedora, coordenada pelo arquitecto João Veríssimo destacou-se porque “interpreta de forma assertiva a pré-existência e a envolvente utilizando-os como pontos de referência para o desenvolvimento do objecto arquitectónico.”

Sem ser icónico
De acordo com o júri deste concurso, a solução proposta pelo arquitecto João Veríssimo “consagra uma linguagem que permite interligar a memória do lugar com contemporaneidade”. Segundo a mesma descrição, a proposta “não procura criar um objecto icónico mas, sobretudo, pensar numa solução que respondesse aos desafios de integração que a área de intervenção reclama”. O júri reconhece ainda que o “diálogo estabelecido a Sul com a estação de comboios através de dois volumes novos, o corpo baixo a Norte implantado em toda a extensão do limite da área de intervenção, permitem responder de forma eficiente aos parâmetros de integração e condicionamentos urbanísticos existentes”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *