Escritórios: Ocupação de Junho ultrapassa os 100 mil m2

Por a 23 de Julho de 2019

 

A ocupação de escritórios em Lisboa atingiu os 109.751 m2 no 1º semestre do ano, assinalando um crescimento de 26% face ao mesmo período de 2018 (86.819 m2) e distanciando-se de forma expressiva, pela primeira vez, da actividade registada no ano passado. A actividade de Junho contribuiu com mais de um terço da área colocada no semestre, num total de 39.219 m2.

Os resultados são divulgados no Office Flashpoint da JLL, relatório que analisa os dados mais recentes disponibilizados pelo LPI-Lisbon Prime Index, um sistema de monitorização do mercado de escritórios de Lisboa. A JLL mantém uma posição de liderança neste mercado, com uma quota de 35% da área negociada no semestre.

“No final de Abril a ocupação estava 14% abaixo de 2018 e em maio acabou por nivelar-se, chegando agora ao final do semestre com a actividade a distanciar-se em alta de 2018, após um Junho excepcional. Esta inversão resulta da disponibilização de nova oferta no mercado, algo que já prevíamos. A procura existe e está a crescer, mas o mercado só conseguirá expandir-se com reforço do stock, como mostra este mês de fecho do semestre. Será esse o motor para o crescimento do mercado este ano”, refere Mariana Rosa, diretora de Office/Logistics Agency and Transaction Manager da JLL.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *