Tintas 2000: Nova tinta para reabilitação de edifícios à base de silicato

Por a 19 de Agosto de 2019


A pintura e a reabilitação dos edifícios antigos é um dos grandes desafios com que os técnicos da área da conservação e restauro se deparam hoje em dia. De acordo com a Tintas 2000, “a reparação e pintura de um edifício antigo com produtos inadequados pode comprometer a performance do mesmo, impossibilitando eventuais intervenções futuras e afectando seriamente a sua durabilidade”.

A pensar neste mercado, a especialista em tintas lançou uma fórmula à base de silicato. A tinta de Silicato é uma tinta aquosa, baseada num ligante inorgânico de silicato de potássio, “adequada para a pintura de fachadas, incluindo o restauro de edifícios históricos, não devendo ser usada na repintura de tintas convencionais”.

A compatibilidade com substratos minerais, a coesão do substrato que reduz as diferenças de absorção, a “excelente” opacidade são as suas principais qualidades.

A tinta de Silicato é ainda resistente a fungos, algas e raios UV, com baixa absorção da água e apresenta uma “boa permeabilidade” ao vapor de água.

A tinta de Silicato está disponível em branco e cores inorgânicas, nas capacidades de 5 e 15 litros.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *