Edigaia investe 50 milhões no Porto

Por a 6 de Junho de 2005

sardao

A imobiliária Edigaia acaba de estabelecer um acordo de parceria com diversas empresas com vista ao desenvolvimento de um projecto inovador de moradias e apartamentos, avaliado em cerca de 50 milhões de euros.

O projecto, que contempla a criação de 29 moradias, de tipologia T4, e 59 apartamentos T4 e T4 Duplex, assenta na lógica de um condomínio, e fará parte de um programa de reconversão da Quinta do Sardão, local onde o escritor Almeida Garret terá passado grande parte da sua infância. De acordo com o administrador do Grupo Edigaia, José Oliveira Filho, os trabalhos deverão estar concluídos até ao final do primeiro trimestre de 2006.

Segundo José Oliveira Filho, «neste momento, este é o principal projecto em que a empresa está envolvida e estará seguramente ao nível dos preços registados em Lisboa, algo que atesta a importância do projecto sobretudo para a zona do Porto e Gaia.

Neste condomínio, construido pela Metro cúbico, empresa do grupo Edigaia, estará presente o grupo Portugal Telecom (ao nível das comunicações), a Central Casa (no que respeita à programação e e coordenação da domótica), e a Miele, que vai equipar as cozinhas dos apartamentos e moradias. A Siemens também estará presente neste empreendimento, através da implementação de todo o material de domótica, que neste caso será o primeiro em Portugal a utilizar a tecnologia EIB Gama Wave.


O condominio vai dispor de equipamentos complementares, como courts de ténis, piscinas, health club e pista de manutenção.