AECOPS receia nova lei do arrendamento

Por a 27 de Junho de 2005

A Associação das Empresas de Construção e Obras Públicas (AECOPS) encara com preocupação a nova lei do arrendamento.

De acordo com a AECCOPS a nova lei das rendas deveria permitir que «o arrendamento habitacional voltasse a ser uma forma corrente de acesso à habitação por parte das famílias, ao reunir condições que tornassem o investimento em fogos para arrendar numa alternativa válida de aplicação de poupanças, facilitando assim o escoamento das muitas casas actualmente concluídas e sem comprador».

Por outro lado, a associação mostra-se apreensiva em relação às condições de rendibilidade dos imóveis antigos estabelecidas, uma vez que são insuficientes para permitirem aos respectivos proprietários a realização de obras de reabilitação e de conservação.