Interfundos, Norfin e GNB são os três maiores fundos em Abril

Por a 22 de Maio de 2018

Em Abril de 2018 o valor total gerido pelos Fundos de Investimento Imobiliário (FII) atingiu cerca de 10,833 milhões de euros, de acordo com o último relatório, divulgado pela CMVM. Os FII Interfundos, Norfin e GNB são os contam com maior quota de mercado.

Enquanto a Interfundos e a Norfin já fazem parte da lista com maior gestão de activos desde há alguns meses, este mês foi uma estreia para o fundo GNB, que conseguiu ultrapassar o montante gerido pela Fundger, que se encontrava no Top 3 desde Janeiro deste ano.

Isto deve-se em parte pela transferência de activos de outros FII para o GNB. Em Março a gestão do FII Orey Reabilitação Urbana, gerido pela Orey Finantial e do FII “R Invest”, da Interfundos, passou para a GNB e já em Abril a gestão do FII Fechado Imogestão e do FEII Imoinvestimento, da Selecta – SGFII também.

De um total de 30 fundos analisados, a CMVM analisou o valor sob gestão dos fundos de investimento imobiliário (FII), dos fundos especiais de investimento imobiliário (FEII) e dos fundos de gestão de património imobiliário (FUNGEPI).

Ao nível dos FII e dos FUNGEPI registou-se uma descida de 0,1%, com o valor sob gestão na ordem dos 7767 milhões de euros e nos FEII de menos 0,3%, registando-se 2569 milhões de euros sob gestão.

No período em análise o investimento foi feito apenas em activos imobiliários de países da União Europeia, tendo 44% da carteira dos FII e FEII abertos sido aplicados em imóveis do sector dos serviços. Os investimentos realizados pelos FUNGEPI – 44,4% do total – destinaram-se sobretudo ao sector do comércio.

Em Abril foi ainda constituído o fundo especial de investimento imobiliário (OIC alternativo imobiliário fechado de subscrição particular sob a forma societária) “Splendimension – SICAFI, SA”, gerido pela Lynx AM – SGFII.

No mesmo mês foram liquidados três fundos de investimento imobiliário: dois geridos pela Fund Box – SGFII, o “Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Fundor” e o “Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Lusitânia”; e o “Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Estamo”, gerido pela Fundiestamo – SGFII.


Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *