InovaDomus antecipa os desafios da construção para a saúde

Por a 26 de Novembro de 2018


A indústria da saúde enquanto um dos motores da economia e a hospitalização domiciliária cada vez mais uma realidade serve de mote para o projecto “Construção para a Saúde”. Da responsabilidade da Associação para o Desenvolvimento da Casa do Futuro – InovaDomus o projecto irá ser apresentado esta quarta-feira, dia 28, na sede da Secção Regional do Norte da Ordem dos Arquitectos, no Porto.

A InovaDomus irá dar conhecer as normas existentes internacionais que parametrizam a construção saudável, com o contributo de um conjunto de especialistas alargado – engenheiros civis, engenheiros informáticos, médicos, psicólogos, entre outros – e a validação da Organização Mundial da Saúde, de modo a proceder à adaptação dessa parametrização à escala nacional e, eventualmente, europeia.

No final do projecto, as empresas do sector da construção e do imobiliário irão dispor de informação de como construir ou de como desenvolver soluções com um impacto positivo na saúde dos cidadãos, acrescentando valor ao sector e preparando os “players” para as exigências e oportunidades da indústria da saúde.

“Os desafios da construção para a saúde são complexos: por um lado a construção está associada a estratégias de custo, ao invés da diferenciação; por outro, as pessoas passam cerca de 90% do seu tempo no interior de edifícios, quer seja em suas casas quer seja no local de trabalho; e por outro lado, ainda, estão a viver cada vez mais tempo, conduzindo a que cada vez mais idosos vivam sozinhos e em lares”, explica António Oliveira, presidente da InovaDomus.


“A InovaDomus considera importante criar um movimento para uma construção e habitação saudável, como factor valorizador do produto, e que conduza ao descortinar de soluções que permitam um impacto positivo na saúde dos indivíduos dentro dos edifícios, sendo o projecto ‘Construção para a Saúde’ o primeiro passo para atingir este objectivo”, acrescenta.


Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *