Savills apresenta actividade crescente na região Norte e Porto

Por a 10 de Novembro de 2019


A consultora imobiliária Savills apresenta uma actividade crescente e consolidada na Região Norte e Porto. Desde o início de 2019 já assessorou a colocação de algumas empresas de referência, contribuindo para a colocação de um total de 70.000 m2 na região.

“O mercado imobiliário do Porto regista uma notável dinâmica. Este ano assessorámos grandes operações, que trouxeram novos investidores para Portugal e para o Porto. Existem ainda muitos negócios na forja, cuja visibilidade será conferida num futuro próximo. A cidade encontra-se agora a desfrutar de uma vitalidade e dinâmica singulares, para as quais muito tem contribuído o apoio e postura construtiva dos órgãos de poder local. O volume de investimento de 2019 tem sido considerável e estamos muito orgulhosos por termos estado envolvidos em negócios que, de facto, fazem a diferença na região Norte”, comenta Paulo Silva, Head of Country da Savills Portugal.

O Porto está a registar uma forte aposta em novas promoções imobiliárias, em todos os segmentos de mercado, incluindo os segmentos alternativos tais como as residências de estudantes (student housing) que têm captado o interesse de um leque interessante de investidores internacionais.

Em termos de promoção de novos projectos e mais especificamente no mercado de escritórios, no primeiro semestre de 2019 foram concluídos aproximadamente 31.000 m2 de espaços novos que incluem o Urbo Business Centre, Boavista Office Centre e a sede da Sonae no Maia Business Centre.


Filipe Santos, Associate Director da Divisão do Porto da Savills partilha: “2019 está a ser um ano muito positivo para o mercado imobiliário no Porto. Existem cada vez mais empresas e novos projectos que estão a impulsionar uma maior actividade e vitalidade desta cidade, reflexo da mesma se ter tornado cada vez mais turística e perfeita para sediar empresas. O mercado de escritórios e o mercado de retalho foram os responsáveis pela alavancagem do imobiliário desta cidade. Contudo, seguramente que iremos ter mais novidades até ao final do ano.”

Até ao final do ano 2019 é esperada igualmente a conclusão de novos projectos como o Edifício Porto Office Park (POP) com 31.000 m2 e o Palácio dos Correios nos Aliados, igualmente reabilitado para um centro de escritórios e serviços com 16.800 m2.

O edifício Gonçalo Sampaio e o Boavista Office Centre estão também a ser alvo de novas colocações, sobretudo de empresas que desejam sediar-se na cidade invicta em áreas que variam entre os 200 e os 500m2, ambos assessorados pela Savills.


Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *