Cosentino cresce em 2019 e reforça liderança

Por a 11 de Fevereiro de 2020


O grupo Cosentino terminou 2019 com uma facturação de 1 110 milhões de euros. Um resultado que. de acordo com a multinacional que se dedica à produção e distribuição de superfícies inovadoras para arquitectura design, se deve ao investimento continuo nos seus processos produtivos, no compromisso com a inovação e, sobretudo, expansão do seu modelo de negócio no mercado internacional.

“2019 foi um ano especialmente intenso a nível do investimento realizado que ascendeu a 120 milhões de euros. Este esforço foi sobretudo canalizado para a componente industrial e está relacionado com o ambicioso plano de crescimento da capacidade produtiva, automatização e digitalização da Silestone”, justifica a multinacional em comunicado.

Até 2022 o grupo vai canalizar 280 milhões de euros no plano de expansão, modernização e reforço da capacidade produtiva, dos quais 133 milhões de euros serão investidos na marca Silestone. O plano específico para esta marca deverá ficar concluído em 2021.

Nesse sentido, no ano transacto ficou concluído o processo de migração das prensas tradicionais para as prensas de grande formato, bem como a industrialização dos processos de I&D responsáveis pela criação de novas cores. No que diz respeito à marca Dekton, os investimentos realizados centraram-se no aumento da eficiência produtiva da planta da fábrica, bem como na industrialização dos processos de desenvolvimento. Tendo sido ampliadas as instalações logísticas da unidade de Cantoria em mais 25 mil m2


Economia circular e sustentabilidade

O grupo reforçou ainda o seu compromisso para com o meio ambiente, materializado por uma forte aposta nas mais inovadoras tecnologias e medidas de protecção, colectiva e individual. A este propósito o grupo destaca a adesão ao “Pacto Nacional pela Economia Circular”, do Ministério Espanhol de Transição Ecológica. Uma aposta que se traduz na valorização de resíduos, âmbito no qual a Cosentino alcançou em 2019 uma taxa recorde de valorização de 33%.
Ainda na vertente da sustentabilidade, o grupo vai apostar na construção de um parque solar fotovoltaico para a auto produção de energia, com capacidade para 20MW, e numa unidade de regeneração de águas residuais, que permitirá o reaproveitamento das águas utilizadas no processo industrial.

Com cerca de 4800 colaboradores em todo o mundo, 2019 fica também marcado pela consolidação do processo de expansão internacional do grupo com a abertura dos novos Cosentino Centers nos EUA, Canadá, França e Malásia e um showroom em Los Angeles. Este formato de espaço exclusivo, localizado no centro das principais cidades do mundo, chegará este ano a novos pontos, como Amesterdão e Barcelona.

O Grupo Cosentino distribui os seus produtos e marcas em mais de 110 países a partir de sua sede em Almería (Espanha). Actualmente, a multinacional opera em 40 países e possui filiais ou activos comerciais próprios em 29 deles. A multinacional possui 8 fábricas (7 em Espanha e um no Brasil), um Centro de Logística Inteligente na Espanha e mais de 130 instalações comerciais e de distribuição espalhadas por todo o mundo. Mais de 90% da faturação do Grupo Cosentino é gerida nos mercados internacionais.


Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *