Coronavírus: Bienal de Arquitectura de Veneza adiada para Agosto

Por a 5 de Março de 2020

A inauguração da Bienal de Arquitectura de Veneza, prevista para Maio, foi adiada para Agosto, por causa da epidemia de Covid-19 em Itália, anunciou a organização, segundo a qual as novas datas foram estabelecidas na sequência das recentes medidas de prevenção em matéria de mobilidade de pessoas, por causa da propagação do novo coronavírus.

Descrita como “uma complexa exposição internacional, envolvendo arquitectos e instituições de mais de 60 países”, a Bienal de Arquitectura será, assim, encurtada três meses, passando a realizar-se de 29 de Agosto a 29 de Novembro, data inicialmente prevista para o encerramento.

Portugal estará presente nesta 17.ª edição da bienal com o projecto In Conflict, do colectivo de arquitectos depA, do Porto, que pretende responder à pergunta colocada pelo curador, Hashim Sarkis, sobre “Como vamos viver juntos?”.


Adiando a abertura por três meses, a organização recorda que a Bienal de Arquitectura será inaugurada praticamente dias antes do Festival de Cinema de Veneza, marcado para 2 de Setembro. “A Bienal oferecerá a Veneza e ao mundo, no final do Verão, um período de grande interesse cultural e apelo internacional”, refere.

O surto de Covid-19, detectado em Dezembro, na China, e que pode causar infecções respiratórias como pneumonia, provocou cerca de 3200 mortos e infectou mais de 93 mil pessoas em 78 países, incluindo cinco em Portugal. Das pessoas infectadas, cerca de 50 mil recuperaram.


Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *