Portugal com 11 553 novos fogos no 1º trimestre de 2020

Por a 12 de Maio de 2020

Nos primeiros três meses de 2020 entraram em processo de licenciamento 11.553 novos fogos em Portugal Continental, distribuídos por 4.971 projectos residenciais, de acordo com a Confidencial Imobiliário. Os dados resultam do Pipeline Imobiliário, apurado com base nos pré-certificados energéticos emitidos pela ADENE.

Esta actividade supera a observada no 1º trimestre do ano passado, apresentando um aumento de 9% em número de fogos e de 8% em número de projectos. Nos primeiros três meses de 2019 foram lançados 10.567 fogos, distribuídos por 4.593 projectos de habitação.

A construção nova foi o principal motor da promoção residencial no 1º trimestre de 2020, concentrando 9.221 fogos, o equivalente a 80% do pipeline nacional. Já a obra de reabilitação gerou 2.024 fogos, que concentram os restantes 20% do pipeline lançado no trimestre.

A Área Metropolitana de Lisboa foi o principal destino da promoção residencial no período em análise, com 1.042 projectos e 3.155 novos fogos em licenciamento, pipeline que apresentou um aumento de 16% face ao mesmo período de 2019. Na Área Metropolitana do Porto, contabilizaram-se 453 projetos num total de 1.838 fogos, sendo esta carteira inferior (-9% em número de fogos) à contabilizada no 1º trimestre de 2019. No Algarve, o lançamento de nova promoção também abrandou (-10% em número de fogos), contabilizando-se um pipeline de 897 novos fogos, distribuídos por 303 projectos de habitação, no 1º trimestre de 2020.


Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *