Concurso internacional procura monumento ao Brexit

Por a 31 de Outubro de 2017

No âmbito da discussão das implicações infra-estruturais da saída do Reino Unido da União Europeia, a Paris School of Architecture lançou um concurso internacional a que deu o nome de “Brexit Monuments”, que ficará localizado à entrada – do lado de França, do Reino Unido ou de ambos – do Eurotunnel, ficando visível aos passageiros que utilizem o serviço Eurostar entre Londres e Paris.

O programa do concurso desafia os arquitectos a projectar um monumento, estrutura arquitectónica ou arte pública, que “discuta o tema da perda de cooperação europeia”. O enunciado alerta que “os resultados podem ser altamente políticos e até emotivos”, por isso, “os participantes devem estar conscientes das implicações que suas propostas possam causar”.

De acordo com a Escola, existe a possibilidade de a mesma financiar a construção, de um projecto “de até 20 mil euros e sujeito à acordo com o(s) proprietário(s) dos terrenos onde será implantado (as propostas que estiverem implantadas em terrenos que sejam de propriedade do Estado britânico ou francês, ou de propriedade da Eurotunnel, não serão levados adiante)”.

De salientar que, não existem restrições de altura, materialidade, forma ou longevidade da proposta, todas estão sujeitas às leis do Planeamento Urbano e caso o projecto não seja aprovado pelas autoridades competentes, o monumento será construído na Escola de Arquitectura de Paris.

 

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *