Gabriel Couto constrói nova fábrica da Navigator em Aveiro

Por a 16 de Abril de 2018

Após ter concluído em apenas 11 meses a construção da nova fábrica da multinacional indiana Sakthi, em Águeda, a construtora Gabriel Couto volta a Aveiro, desta feita, para construir em Cacia as novas fábricas da Navigator Tissue. “É mais um desafio aliciante e ambicioso, que vem demonstrar o capital de confiança adquirido junto dos investidores, que apostam no conhecimento e na experiência da Gabriel Couto na área da construção de grandes polos de investimento industrial”, refere Carlos Couto, o CEO da construtora minhota.
Com assinatura do Gabinete de Consultoria e Projectos de Engenharia “GEG – ENGINEERING STRUCTURES FOR LIFE”, este Projecto designado Smooth – Armazém de Bobines e de Paletes e Expedição (Contratos 3 e 5), promovido pela Navigator Tissue Cacia integra-se na construção das suas novas fábricas de papel no distrito de Aveiro, com conclusão prevista para o segundo semestre de 2018, e vão criar cerca de 100 novos postos de trabalho. A construção destas novas unidades fabris tem como objectivo a construção de uma linha de produção de papel “Tissue” (utilizado em lenços de papel e papel higiénico) e respectiva transformação em produto final.
Estes contratos, compostos pelas empreitadas 3 e 5, incluem várias edificações e estruturas distintas. Na empreitada 3, o destaque especial vai para o conjunto de edifícios destinados à armazenagem de bobines de papel, que integram a fábrica de Tissue de Cacia, numa área total de cerca de 4.500 m². Esta estrutura engloba o transportador, recepção e cais de carga de bobines para o exterior, bem como a sala de equipamentos de ventilação e de redução de oxigénio. A empreitada 5 é composta, em especial, por um conjunto de edifícios destinados à
armazenagem de paletes de papel e expedição, numa área total de cerca de 6.000 m².
Com estas novas fábricas, a Navigator Tissue Cacia atinge um investimento próximo dos 120 milhões de euros e ficará dotada de uma capacidade de produção nominal de 70.000 toneladas por ano.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *