Financiamento do BEI para obras em Portugal duplicou em 2018

Por a 11 de Fevereiro de 2019


O Banco Europeu de Investimento (Grupo BEI) assinou, em 2018, 26 operações em Portugal com um financiamento de 1 979 milhões de EUR, equivalente a cerca de 1 % do PIB português. Portugal ocupa, assim, a terceira posição entre os países da UE que mais beneficiaram do apoio do BEI em percentagem do PIB.
Emma Navarro, vice-presidente da instituição que veio a Lisboa apresentar o balanço da actividade do BEI relativo ao ano passado, explica que “2018 foi novamente um ano muito positivo para as actividades do banco da UE em Portugal. Os quase 2 mil milhões de EUR de financiamento do Grupo BEI permitem apoiar projectos muito importantes para a economia portuguesa, que promovem o crescimento sustentável, o emprego e o combate às alterações climáticas”
O banco da UE continuou a intensificar a sua actividade de financiamento da acção climática. Em 2018, este financiamento representou 41 % da actividade do Banco no país, contribuindo para o desenvolvimento de projectos que promovem a implementação de processos de produção mais eficientes em termos energéticos e fomentam a utilização de energias renováveis. O financiamento das infraestruturas também foi reforçado para um total de 499 milhões de euros, principalmente destinados à reabilitação e ampliação de infraestruturas de regadio nas zonas rurais, bem como à modernização dos portos portugueses, entre outros projectos.
À semelhança dos últimos anos, o Grupo BEI manteve, em 2018, o seu forte apoio às pequenas e médias empresas (PME) em Portugal: 904 milhões de euros destinaram-se à concessão de crédito em condições vantajosas a cerca de 4 000 PME e empresas de média capitalização portuguesas, que dão emprego a 153 000 pessoas.
No ano transato, o financiamento total do Grupo BEI ascendeu a 64 190 milhões de EUR, dos quais 55 630 milhões de EUR correspondem a empréstimos do BEI e 10 060 milhões de EUR à actividade do Fundo Europeu de Investimento (FEI), a filial do Grupo BEI especializada na oferta de soluções de financiamento de risco aos intermediários financeiros para apoiar as PME e promover a inovação na Europa.
Além disso, desde 2015 e até Dezembro de 2018, o Grupo BEI aprovou um volume de financiamento total de 70 400 milhões de euros ao abrigo do Plano de Investimento para a Europa no conjunto dos países da UE, que permitirá mobilizar investimentos adicionais estimados em 375 500 milhões de euros.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *