Índice de preços de manutenção e reparação da habitação aumenta

Por a 8 de Junho de 2005

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística o mês de Março apresentou uma taxa, de variação homóloga, do índice dos custos de construção de habitação nova, no segmento de apartamentos de 1,8 por cento, enquanto que o de moradias foi de 2,3 por cento, ambos os valores inferiores ao do mês de Fevereiro.

Relativamente ao índice de preços de manutenção e reparação regular da habitação, em Portugal Continental, registou-se uma taxa de variação homóloga de 3,6 por cento, um aumento de 0,1 pontos percentuais relativamente ao mês anterior.

As regiões Norte, com uma percentagem de 4,3, Lisboa e Vale do Tejo, com 3,9 por cento, e Alentejo, registando 3,7 por cento, apresentaram taxas de variação homólogas superiores à média do Continente.